Melancolia e alegria no encerramento dos Jogos

Melancolia pelo fim dos Jogos Olímpicos e alegria pelas histórias vividas no Rio de Janeiro. Esses são os dois principais sentimentos que o Comitê Organizador da Rio-2016 pretende criar nos espectadores que estarão no Maracanã, no domingo (21), para a cerimônia de encerramento da Olimpíada de 2016.

Segundo o comitê, mais de 41 mil ingressos já vendidos para a cerimônia, o que indica que o maior estádio do Rio estará cheio. Duas ausências importantes, entretanto, já estão confirmadas: o presidente interino Michel Temer não virá ao Rio, assim como Pelé, que alegou problemas de saúde para não participar da festa de abertura e também do fim dos Jogos Olímpicos.

Nada disso, porém, deve tirar o brilho da festa, segundo Leonardo Caetano, diretor de Cerimônias da Rio-2016. “Teremos 3 mil voluntários, 300 profissionais de dança e outras atrações”, afirmou. “Vai ser festa para lavar a alma de todo mundo: do voluntário que ficou na estação de trem até Michael Phelps.”

A carnavalesca Rosa Magalhães, uma das responsáveis pela cerimônia, disse que será inevitável um tom melancólico na festa, afinal a chama  olímpica será apagada. Ao mesmo tempo, prometeu alegria, já que um novo ciclo olímpico começará com o final dos Jogos  do Rio.

“Vai ser como um desfile das escolas de samba campeãs, mas a festa dos campeões sempre falta alguma coisa. Aqui não vai faltar nada”, afirmou ela. “Vamos ter uma estrutura de vai chegar a 20 metros de altura. A porta de acesso do Maracanã limita um pouco, mas vamos dar um jeito.”

Uma parte da cerimônia de encerramento da Olimpíada de 2016 será organizada por representantes de Tóquio. A capital japonesa receberá a próxima edição dos Jogos.

Segundo Abel Gomes, os japoneses terão total liberdade para organizar a sua participação na festa do Rio.

Relacionados

Comentários

Reparámos que tem um Ad Blocker ativo.

A informação tem valor. Considere apoiar este projeto desligando o seu Ad Blocker.

Pode também apoiar-nos subscrevendo a nossa ou seguindo-nos nas redes sociais Facebook, Instagram e Twitter.