Depois dos Jogos fazem-se os balanços

Apesar de algumas reclamações e problemas, metro, autocarros e comboios metropolitanos suportaram com razoável sucesso o aumento da procura de transportes no Rio de Janeiro.

A combinação entre todos os transportes foi a grande responsável por movimentar o público pelas quatro zonas de competição.

No entanto, os cariocas protestaram pelos congestionamentos.

Pelo menos uma competição, as meias finais de 50 metros livres femininos, em natação, foram adiadas em 20 minutos, porque um motorista se perdeu no caminho entre a Aldeia Olímpica e o Parque Olímpico.

Noutra área, embora a programação cultural durante os Jogos tenha sido prejudicada pela crise económica e algumas atrações tenham sido cortadas, o Boulevard Olímpico, na renovada região portuária do Rio, tornou-se o grande local de aglomeração do público, reunindo milhares de pessoas dia e noite para visitas a museus, espetáculos e fotografias ao pé da pira olímpica.

Relacionados

Comentários

Reparámos que tem um Ad Blocker ativo.

A informação tem valor. Considere apoiar este projeto desligando o seu Ad Blocker.

Pode também apoiar-nos subscrevendo a nossa ou seguindo-nos nas redes sociais Facebook, Instagram e Twitter.